Branding: qual o seu papel na identidade de marca

Nos dias atuais, a identidade de uma marca vem se tornado uma característica diferencial cada vez mais forte, mas você sabe, de fato, o porquê de haver marcas com suas imagens melhor estruturadas e desenvolvidas dentro do mercado do que outras? A resposta é bem simples, essas grandes empresas utilizaram das quatro grandes perspectivas que, dentre outros fatores, compõem a criação e a estruturação de identidade, que são: a marca como organização, como produto, como símbolo e como pessoa. Tendo apresentado esses quatro grandes aspectos, será desenvolvido, posteriormente, mais sobre eles.


No desenvolvimento de identidade, a marca como organização tem o aspecto essencial de posicionar-se através de vieses defendidos pela empresa em pontos em que a mesma se identifica, com o intuito de dar um propósito para a marca. Com isso em mente, tal posicionamento é construído através de pessoas, culturas e campanhas de Marketing. Além disso, a marca como organização tem o intuito de demonstrar as ambições e objetivos que a marca quer atingir, despertar e encorajar o comprometimento dos indivíduos que se identificam com os propósitos da mesma e apresentar, sempre que possível, em ações (como por exemplo campanhas de publicidade), o desdobramento de seus ideais. Com isso, é notório como são usadas essas estratégias em empresas como a Avon, que utiliza de produtos inclusivos em seu portfólio visando ser a marca de apoio a causas sociais, como antirracista e LGBTQI+, dentro do mercado da beleza, tornando claro e expressivo esse ideal.


Outro ponto muito importante da criação de identidade, é a marca como produto, que tem como principal objetivo desenvolver o seu produto para ser referência dentro de determinado setor. Para que isso seja feito com maior excelência, diversos questionamentos que agregam para a construção do produto são feitos para guiar esse desenvolvimento, como por exemplo: “que produto está associado à marca?" ou “Quais atributos relacionados à aquisição ou utilização do produto podem alavancar valor?”. Como exemplo disso, pode-se identificar tal atributo em grandes marcas como a Disney, que é referência dentro do setor de produções audiovisuais de contos de fada, em que os primeiros produtos que se pensam quando citam o assunto são os filmes da mesma. Além disso, temos também a Toddy e a Nescau, duas grandes empresas referências quando se trata do assunto de achocolatado em pó.


Além desses dois, temos um terceiro ponto de grande importância, uma das mais fortes e fundamentais características no desenvolvimento de identidade, que é a marca como símbolo, a qual busca atribuir à qualquer elemento que possa representá-la, sendo ele verbal, sonoro, visual, olfativo, que traga alguma experiência diferente para o usuário ou até mesmo mais de um desses ao mesmo tempo. Tal atividade visa aumentar a lembrança que o consumidor tem da marca, facilitando a formação de associações mais fortes, favoráveis e exclusivas, que gerem julgamentos e sentimentos positivos em cima da marca. Com isso em mente, um grande exemplo de marca que utiliza do símbolo é a Apple, que busca, através de seu logo minimalista e único, trazer uma referência direta aos valores da marca.

Por último, a marca como pessoa traz consigo a capacidade de atribuir personalidade à mesma, conferindo características humanas a ela, enriquecendo a compreensão do que deseja passar, diferenciando-se das demais, apresentando características comportamentais da empresa, trazendo orientação para a comunicação e, por fim, gerando vínculo mais forte e assertivo com seus consumidores. Além disso, ajuda a marca a definir um “tom de voz”, que facilita a comunicação com os indivíduos, ajuda na orientação de respostas que serão dadas nas mídias digitais e, pela grande relevância de ter essa característica bem definida, tende a captar consumidores que buscam por marcas com maior profundidade, trazendo características mais humanas para a marca, como amigável, confiante, acolhedora, divertida, entre outras. Pensando nisso, um grande exemplo de marca como pessoa é a Netflix, que, sempre que possível, interage de maneira bem criativa com seus consumidores através de redes sociais, como o twitter, com postagens bem amigáveis e engraçadas, aproximando cada vez mais seu público de seu produto.


Por fim, recomenda-se utilizar mais do que um dos quatro pilares da identidade de marca, para que a torne mais forte e consolidada dentro do setor que estiver, pois oferece para a empresa um desenvolvimento mais robusto para a mesma. Portanto, o Branding voltado para o desenvolvimento da identidade de marca é extremamente importante para consolidar e construir uma maneira de ser notado dentre as demais marcas existentes, tendo um diferencial notório.

Texto por: Igor Guitte